NOTÍCIAS


Polícia esclarece homicídio em Pontes e Lacerda com prisão e apreensão de três envolvidos

Um homicídio ocorrido na noite de sábado em Pontes e Lacerda (442 km a oeste de Cuiabá) foi rapidamente esclarecido pela Polícia Civil com apoio da Polícia Militar, com a prisão de um adulto e a apreensão de dois menores de idade, identificados como autores do crime. O suspeito de 26 anos e os dois menores de 17 anos também estariam envolvidos em uma situação de tortura praticada contra outra vítima.

O homicídio que vitimou Cássio Pereira de Oliveira ocorreu por volta das 22 horas no bairro Jardim Morada da Serra. No local, a vítima foi encontrada com diversas perfurações de arma de fogo pelo corpo, em especial no tórax e na cabeça.

Assim que foi acionada dos fatos, a equipe da Polícia Civil iniciou as diligências para apurar o crime, conseguindo informações que levaram à identificação dos três envolvidos no crime. Em continuidade as diligências, a equipe da Polícia Civil conseguiu localizar o suspeito maior de idade e um dos adolescentes em uma tabacaria, onde foi realizada a abordagem.

A equipe da Polícia Militar foi acionada para dar apoio ao trabalho, conseguindo realizar a apreensão do segundo menor envolvido. Questionados, os suspeitos confessaram o envolvimento no homicídio e revelaram que o crime foi encomendado por uma facção criminosa, uma vez que a vítima estava atuando com a venda de drogas sem a autorização do grupo.

Durante os trabalhos, os suspeitos também foram identificados como autores de um “salve” (castigo a mando de facção criminosa em razão de descumprimento de ordens impostas) contra outra vítima, no mesmo dia. 

Diante dos fatos, os três suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Pontes e Lacerda, onde o maior de idade foi interrogado pelo delegado Guilherme Campomar da Rocha e autuado em flagrante pelos crimes de organização criminosa majorada pelo emprego de arma de fogo e participação de criança ou adolescente e tortura.

Os dois menores foram ouvidos em declarações e autuados pelo ato infracional análogo aos crimes de homicídio qualificado, organização criminosa qualificado pelo uso de arma de fogo e tortura.

As investigações seguem em andamento para esclarecer todas as circunstâncias do crime e identificar outros envolvidos.

Fonte: PJC MT




20/02/2023 – Primeira Capital FM

COMPARTILHE

SEGUE A @@PRIMEIRACAPITALFM

(65) 98124-7864

radioprimeiracapitalfm@gmail.com
Vila Bela da Santissima Trindade-MT
Rua Conde Azambuja, 859

NO AR:
ARRASTA PÉ - PRIMEIRA CAPITAL FM